Igrass - Blog - Como Dominar As Suas Emocoes E Torna Las Positivas
BLOG
Como dominar as suas emoções e torná-las positivas
16/10/2017

É uma pessoa irritável? Fica furioso quando alguém tem uma ideia contrária à sua ou ousa criticá-lo? Falta-lhe autoconfiança? Neste livro, vai aprender como aplicar a todos estes problemas, os métodos desenvolvidos na primeira parte. Embora não se trate de um tratamento propriamente dito, já não ignora que o seu estado de espírito, o seu desenvolvimento pessoal ou, pelo contrário, as suas frustrações, os choques psicológicos e afectivos que recebe, são factores importantes de saúde ou de doença. Por conseguinte, as sugestões neste livro podem ser consideradas como uma terapia preventiva. "Tratando" as suas emoções e os seus sentimentos, reforça o seu sistema imunitário
I. Como dominar o seu temperamento 
É desaconselhado reprimir a sua fúria. Você não ignora que uma fúria voltada para dentro se torna ainda mais perigosa. 
Os perigos de uma fúria reprimida 
Quando um vulcão entra em erupção, é claramente preferível, para aqueles que se encontram na zona exposta, que a cratera não esteja entupida e que a lava possa fluir livremente. Caso contrário, os gases acumulam-se por baixo da cratera e quando esta explode é o Apocalipse! 

Uma fúria contida é comparável a um vulcão com a cratera entupida. Se tem um temperamento colérico, não serve de nada tentar reprimir a sua crise. Pelo contrário, vai chegar o momento em que ela vai explodir, mil vezes mais poderosa, aniquilando tudo por onde passa. Além disso, também o vai aniquilar a si. Se se priva de exprimir a sua cólera contra outra pessoa, está a virá-la contra si! Desde a infância que nos buzinam aos ouvidos que: “não é bonito ficarmos zangados... As crianças bem educadas não fazem birras... Só as pessoas que têm mau feitio é que fazem birras..., etc.”. Temos, portando, tendência para nos castigarmos pelas nossas fúrias, nos auto-destruirmos por todos os tipos de comportamentos não saudáveis e perigosos: tabaco, álcool, roer as unhas, doces, anorexia nervosa, insucesso escolar, drogas, enuresia... A lista dos nossos castigos é excessivamente longa. Por conseguinte, vai aprender não a reprimir a sua fúria, mas a canalizá-la. 
 Como canalizar a sua fúria 
 O melhor método consiste em representar a cólera como uma força da natureza e deixá-la libertar-se. Em seguida, reencontre e conserve a paz. 
 Primeira etapa: canalize a sua fúria 
 A imagem que acalma 
 Vai começar por procurar nos seus livros fotos de formato bastante grande, que representem as forças da natureza em acção. Pode ser uma tempestade num oceano, uma cascata que cai do alto de uma falésia, um vulcão em erupção, um ciclone que verga as árvores, um vento glaciar acompanhado de tempestade de neve, um géiser, uma avalanche, uma cheia, e assim sucessivamente. Em vez da fotografia, pode preferir um quadro ou uma gravura, consoante os seus gostos e afinidades. Em seguida, proceda da seguinte maneira: − Assim que sentir a fúria a crescer dentro de si, quer se trate de uma "erupção" ou de um sentimento mais subtil de rancor, pegue na fotografia ou no quadro.  − Instale-se confortavelmente num sofá e olhe para a sua imagem. − Imagine que ela tem movimento, que você assiste verdadeiramente ao espectáculo desta força em plena acção. Veja as ondas rebentarem, o vento torcendo os troncos das árvores, a água a cair poderosamente do alto da montanha.  − Ao fim de um momento, levante os olhos e faça alguns exercícios respiratórios. A sua fúria deve ter-se acalmado. − Pratique este exercício várias vezes ao dia, se tiver a impressão que precisa de canalizar uma verdadeira avalanche. 
 
Utilize a força da sua mente  
 Este exercício baseia-se no mesmo princípio do que o anterior, mas você está apto a fazê-lo a qualquer momento, sem precisar da sua imagem, pois vai criar uma na sua mente. − Instale-se tranquilamente, de preferência no seu santuário mental. − Faça alguns exercícios respiratórios. − Agora imagine uma força da natureza em acção. Escolha-a segundo as suas afinidades e os seus gostos. O importante é vê-la a desencadear-se nitidamente. − Ao fim de alguns instantes, pratique novos exercícios respiratórios e sinta-se aliviado. − Repita este exercício as vezes que achar necessário. 
 

Segmento do livro:      Como dominar as suas emoções e torná-las positivas   de  Chrisitan H. Godefroy 
 Se você deseja este livro em versão eletrônica  (ebook);  solicite e será emitido a seu correio eletrônico gratuitamente.  É um presente de nosso escritório.
Solicite neste email >      igrass@igrass.com.br


 
 
 
Categoria: D) Assuntos Gerais (Ciências, atualidades, dicas, etc )